Autoamurel

Pesquisa


Busca avançada


Dicas automotivas

10 dicas para vender seu carro usado melhor

Esta cada vez mais difícil vender seu carro usado com valores justos, isto é devido em parte ao crescimento das vendas de carro zero quilômetro, mas para diminuir o prejuízo, preparamos 10 dicas para vender seu carro usado melhor, principalmente de particular para particular.

História do carro: tenha guardado o manual do proprietário, nota fiscal da compra e outros documentos como, por exemplo, comprovantes de revisões, troca de peças e tudo o que comprova a manutenção preventiva. Isso dá maior segurança ao futuro comprador.

Capriche no visual: é difícil alguém comprar um carro sujo por isso invista em uma lavagem completa e, se puder, um polimento e higienização da parte interna. O polimento vai levantar muito a aparência externa, enquanto a higienização dará um ar renovado para os bancos, carpetes e revestimentos internos, além de eliminar a maioria dos cheiros internos.

Revisão (Check-up): aqui um ponto que valoriza e da mais segurança a uma venda, principalmente para particulares, faça uma revisão completa dos principais itens do carro. Essa revisão trará maior segurança para quem quer comprar o seu carro usado. Mostre a nota fiscal e comprovante da revisão para comprová-la ao futuro interessado por seu veículo.

Pequenos reparos: Se seu carro tiver que fazer alguns reparos pontuais como pintura de pára-choque, conserto de retrovisor entre outros, e está sem grana. Faça orçamentos, pesquise e obtenha o melhor preço, e mostre para o futuro comprador e ofereça esse desconto, agora se puder realizar os reparos é bem melhor.

Invista em uma perícia automotiva: que atesta a boa procedência do seu veículo. Diversas empresas no mercado oferecem o serviço que leva cerca de 20 minutos e gera um laudo com todas as informações e histórico do veículo com custo de R$ 30,00 a R$ 70,00.

Mostre seu carro: além da placa de “vende-se” colocada de forma bem visível no seu veículo, anuncie o carro na internet com boas fotos do interior e exterior e leve-o aos feirões, onde o público interessado em comprar seu carro poderá vê-lo ao vivo.

Originalidade: item importante na hora de vender o seu usado é deixá-lo como original de fábrica. Evite acessórios que modificam o visual como aerofólios, spoilers, adesivos e outros penduricalhos. Agora se o seu carro for muito modificado, o público que compra é muito específico, prepare-se para esperar mais tempo para vender.

Cuidado nos encontros: evite marcar a visita do futuro comprador em sua própria casa. Marque em locais movimentados como supermercados ou shoppings, em áreas descobertas.

Na hora de fechar o negócio: Evite receber o valor do veículo em dinheiro ou cheques. Faça as transações financeiras diretamente no banco. Isso garante o crédito na hora e evita golpes de compradores mal intencionados.

Documentação: Lembre-se de preencher o certificado de registro do veículo inserindo os dados do novo comprador, assine e reconheça assinatura imediatamente. Depois, tire duas cópias, guarde uma consigo e a outra envie ao Detran de sua cidade para atestar a transferência e isenção de responsabilidade sobre futuras multas ou incômodos.

© Todos os direitos reservados